Sacerdotes russos bombardearam cidade com água benta para combater “embriaguez e fornicação”

Sacerdotes russos bombardearam cidade com água benta para combater  “embriaguez e fornicação”

Quão pecaminosa deve ser uma cidade para fazer os sacerdotes se armarem com água benta e subirem ao céu? Qualquer que seja esse limiar, a cidade russa de Tver aparentemente o atravessou.

Se você estivesse em Tver no dia 11 de setembro e olhasse para cima, veria padres russos pendurados em um avião precário, jogando água benta de um cálice de tamanho grande. Nenhuma parte da última frase é exagero cômico.

A guerra santa no ar contra o pecado foi realizada no ‘dia da sobriedade’ da Rússia, um feriado não oficial com raízes que remontam à Rússia imperial. De acordo com o canal de notícias local Tvernews, esta não é a primeira vez que padres ortodoxos russos voam acima da cidade. Tornou-se tradição em Tver que os padres voem sobre a cidade no dia da sobriedade e rezem para combater a ’embriaguez’ e a ‘fornicação’.

Porém, esta é a primeira vez que lançam a artilharia pesada.

O avião estava carregado de padres, 70 litros de água benta e relíquias sagradas de Tver, incluindo um retrato de João Batista e o ‘Cálice Inesgotável’ que entregava a carga. Um padre que usava um cinto que o impedia de cair do avião inclinou-se para a porta aberta e encharcou a cidade com água benta enquanto outro cantava orações.

Os sacerdotes ortodoxos russos estão travando uma guerra espiritual nos céus de Tver desde 2006. Longe de ser um golpe publicitário ou espetáculo, o clero de Tver leva esse ato muito a sério.

A Rússia tem um enorme problema com o alcoolismo, que o governo e a igreja estão tentando – com sucesso moderado – combater. O organizador do “bombardeio”, padre Alexander Goryachev, diz que seus esforços resultaram em recuperações ‘milagrosas’ do alcoolismo.

Ele diz:

Juntamente com o ícone ‘Cálice Inesgotável’, temos sobrevoado Tver desde 2006; essa é uma relíquia da cidade. Se você quiser – acredite ou não – mas um dia, quando viu um avião voando, o marido disse à esposa que ele [deixaria de beber]… E agora dois casais vieram conosco, reunidos devido à libertação do homem da embriaguez em Tver.

O padre Alexander acredita que todas as doenças podem ser curadas por meios espirituais, pois todas elas têm uma causa espiritual.

Ele diz:

Qualquer doença é proveniente de um vírus, e um vírus é um demônio. Portanto, qualquer doença é primariamente uma doença espiritual.

Embora essa afirmação seja completa e inequivocamente falsa, o alcoolismo é um problema real e muito sério. Então, se o ataque aéreo deles ajudou alguém, isso é incrível. Mas ainda é absolutamente hilário.

E está tudo bem com o padre Alexander. Enquanto ele leva o trabalho a sério, ele diz que não o incomoda nem um pouco que as pessoas riem:

Rir – o riso prolonga a vida. Apenas para que é o riso? Será que estamos tentando ajudar as pessoas a se livrarem de doenças?

No que defendemos – pare de usar álcool, drogas, pare de fornicação – causa risadas? Deixe-os rir – e faremos o nosso trabalho.

Embora poderemos rir, também temos que reconhecer que um velho barbudo pendurado em um avião lutando pelas almas imortais de seus vizinhos com magia divina também é muito legal.

[Para informações de como ativar a legenda em português do vídeo abaixo, embora ela não seja precisa e possa não funcionar em dispositivos móveis, clique aqui.
(Macete: algumas legendas são melhores acompanhadas lendo-se somente a última linha)]

(Fonte)

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

  Subscribe  
Notify of