Homem faz justiça com as próprias mãos contra estuprador de sua esposa

Homem faz justiça com as próprias mãos contra estuprador de sua esposa
ICTV

O marido de 27 anos, cujo nome não foi divulgado, estava voltando para casa depois de uma festa em um restaurante em seu vilarejo de Shevchenkovo, na região oriental de Kharkiv, na Ucrânia.

Sua esposa havia saído do restaurante apenas 10 minutos antes, aproximadamente à 1h. Quando ela estava se aproximando de seu prédio, ela teria sido atacada por trás pelo estuprador, Dmitry Ivchenko, de 25 anos.

Dmitry Ivchenko, 25, atacou a mulher por trás e a arrastou para um arbusto para realizar o estupro antes de ser interrompido pelo marido da vítima. ICTV

Ivchenko supostamente cobriu a boca da mulher com a mão para reprimir seus gritos, antes de arrastá-la para alguns arbustos.

Quando o marido chegou ao prédio, ouviu sons vindo dos arbustos. Foi nesse momento que ele teria se deparado com uma visão horrível: Ivchenko agarrando a garganta de sua esposa enquanto a estuprava.

O marido enfurecido deu um soco na cabeça de Ivchenko antes de cortar seu pênis com um canivete suíço. Muitos da área correram para o local, despertados pelos gritos de dor do suposto estuprador e pelo choro da vítima.

Conforme relatado pelo MailOnline, o advogado do marido, Dmitry Spaskin, fez os seguintes comentários à mídia local:

O marido perdeu a capacidade de controlar suas ações. Ele não entendeu o que estava fazendo.

Rapist Penis Husband
Vítima do estupro. Crédito: ICTV

A mãe da vítima denunciou Ivchenko à polícia, enquanto outros pediram uma ambulância. Depois de ser hospitalizado no Hospital Distrital de Shevchenko, o suposto estuprador foi submetido a uma cirurgia.

Não se sabe se os cirurgiões conseguiram recolocar o pênis cortado e falam que Ivchenko precisará de um ‘longo tratamento’.

Snizhana Vodolazska, porta-voz do Departamento de Polícia da Região de Kupiansk, disse:

O suspeito alcançou sua vítima perto de seu prédio e a estuprou.

O marido foi acusado de causar danos corporais graves e foi colocado em prisão domiciliar. Desde então, ele disse à mídia local:

Não sei explicar o que aconteceu comigo naquele momento.

Spaskin explicou como o marido estava em ‘estado de choque’ após o incidente:

Após o incidente, [o marido] estava em estado de choque e simplesmente se afastou. Ele andou cerca de 13 quilômetros e chegou a uma vila vizinha. Lá, ele se encontrou com um conhecido e pediu para levá-lo a uma delegacia. Em 13 de outubro, às 7 horas da manhã, ele se entregou à polícia e confessou a ação.

Crédito: ICTV

Os policiais iniciaram um processo criminal por estupro contra Ivchenko, que permanece no hospital sob vigilância policial.

Se considerado culpado, o marido pode pegar até oito anos de prisão, enquanto Ivchenko pode pegar até cinco anos.

A vítima agora precisará de aconselhamento e estará embarcando em um longo período de recuperação psicológica.

(Fonte)

Uma lástima que o estuprador provavelmente ficará menos tempo na cadeia do que o marido da vitima. Uma vantagem que ele terá é que será um pouco mais fácil dele escapar da cadeia por pequenas aberturas, como este cidadão aqui

Deixe sua opinião na área de comentários mais abaixo e não esqueça e visitar nossa página principal clicando aqui. Muitas outras coisas interessantes – e muitas vezes estranhas e absurdas – estão ocorrendo neste planeta…

1
Deixe um comentário

Deixe uma resposta

  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
itacyr salles da silva
Visitante
itacyr salles da silva

Devia ter cortado a cabeça do estuprador.