Empresa vende gin infundido com esterco de elefante

Um gin sul-africano conhecido como Indlovu é produzido através da combinação de ingredientes regulares com excrementos de elefantes. Algumas pessoas afirmam que tentam qualquer coisa pelo menos uma vez e esta bebida não-ortodoxa – que é totalmente infundida com os sabores das fezes de elefantes – sem dúvida deixará essas pessoas orgulhosas de terem experimentado isso.

Conhecido como Indlovu (que significa ‘elefante’ em zulu), o novo gin é uma criação de Les e Paula Ansley, que se depararam com a ideia depois de descobrirem que os elefantes digerem apenas um terço das frutas que comem.

Les disse:

Como consequência, no esterco de elefante, você obtém a variedade mais incrível desses vegetais. [Então minha esposa sugeriu] por que não deixamos os elefantes fazerem o trabalho duro de coletar todos esses botânicos e nós faremos gim com isso?

A bebida resultante, que agora usa esterco que o casal recolhe com as próprias mãos, supostamente tem um sabor ‘adorável, arborizado, quase picante, terroso’. Cerca de cinco sacas cheias de esterco de elefante podem produzir até 4.000 garrafas, custando US$ 32 cada.

Les ainda disse:

A reação inicial da maioria das pessoas é: “O quê? De jeito nenhum!”

Mas a maioria das pessoas tem muita vontade de realmente provar.

Incrivelmente, o gin provou ser um sucesso entre os turistas que frequentemente compram uma garrafa para levar para casa e compartilhar com seus amigos e familiares. O produto também vende muito bem em lojas duty-free e online.

As chances dele aparecer nas prateleiras dos supermercados em todo o mundo, no entanto, parecem bastante pequenas

(Fonte)

Bem, se considerarmos que se trata de uma bebida alcoólica, provavelmente qualquer bactéria presente no esterco deve ter sido eliminada. Com certeza é bem melhor um adulto beber gin com esterco de elefante, do que um bebê tomar 1,5 litros de café puro por dia

Deixe sua opinião na área de comentários mais abaixo e não esqueça e visitar nossa página principal clicando aqui. Muitas outras coisas interessantes – e muitas vezes estranhas e absurdas – estão ocorrendo neste planeta…

Deixe uma resposta