O som mais alto da história estourou o tímpano de pessoas a 64 km de distância

O som mais alto da história estourou o tímpano de pessoas a 64 km de distância
A erupção de Krakatoa em 1883 é considerada o som mais alto já ouvido e sentido na história. Foto: Biblioteca do Congresso

Uma erupção vulcânica produziu o som mais alto do mundo.

O som da erupção do vulcão Kracatoa em 1883 causou ondas de choque 10.000 vezes mais poderosas que o de uma bomba de hidrogênio e estourou os tímpanos de marinheiros que estava a quase 65 quilômetros de distância.

O som mais alto da história foi produzido pela erupção vulcânica de Krakatoa em 27 de agosto de 1883. A explosão do Krakatoa registrou 172 decibéis a 160 quilômetros da fonte.

Moradores da Nova Guiné e da Austrália Ocidental (a 3.200 km de distância) relataram ter ouvido ‘uma série de estrondo altos, parecidos com os da artilharia na direção noroeste’.

A erupção vulcânica de Krakatoa em 1883 produziu o som mais alto do mundo.

Os moradores da ilha de Rodrigues (a 4.800 km de distância) relataram ouvir o que lhes parecia o rugido distante de artilharia pesados.

No geral, o som da erupção vulcânica de Krakatoa foi ouvido por pessoas em 50 locais geológicos diferentes ao redor do mundo.

Som completamente louco

Agora, respire fundo, ouça o barulho no vídeo abaixo e pense, por um momento, quão louco isso é.

Como Nautilus explica:

Se você estiver em Boston e alguém lhe disser que ouviu um som vindo da cidade de Nova Iorque, você provavelmente dará a esta pessoa um olhar de desconfiado. Mas Boston fica a apenas 320 quilômetros de Nova Iorque. O que estamos falando aqui é como estar em Boston e ouvir claramente um barulho vindo de Dublin, na Irlanda. Viajando na velocidade do som (1.233 quilômetros por hora), é um ruído precisa cerca de 4 horas para percorrer essa distância. Este é o som mais distante que já foi ouvido na história gravada.

Chegou o dia do julgamento

O navio britânico Norham Castle estava a 64 km de Krakatoa no momento da explosão.

O capitão do navio escreveu em seu diário:

Tão violentas são as explosões que os tímpanos de mais da metade da minha tripulação foram destruídos. Meus últimos pensamentos estão com minha querida esposa. Estou convencido de que o dia do julgamento chegou.

A erupção de Krakatoa

O vulcão Krakatoa entrou em erupção em 27 de agosto de 1883 com uma força tão grande que destruiu sua ilha, emitindo uma nuvem de fumaça que atingiu 28 quilômetros na atmosfera.

Essa explosão criou um tsunami mortal com ondas acima de 30 metros de altura, que acabou dizimando 160 vilarejos e assentamentos ao longo das margens de Java e Sumatra, na Indonésia. No total, os holandeses – governantes coloniais da Indonésia na época – estimavam o número de mortos em 36.417, enquanto outras estimativas ultrapassam 120.000.

A última erupção em Krakatoa foi considerada o maior desastre natural do século XIX. As ondas de choque da erupção viajaram ao redor do mundo várias vezes. A força da explosão foi 10.000 vezes maior que a de uma bomba de hidrogênio.

(Fonte)

A mãe natureza que nos alimenta também pode se tornar numa “mãe desnaturada” que nos maltrata. Ainda bem que isso só acontece de vez em quanto

Deixe sua opinião na área de comentários mais abaixo e não esqueça e visitar nossa página principal clicando aqui. Muitas outras coisas interessantes – e muitas vezes estranhas e absurdas – estão ocorrendo neste planeta…

Deixe uma resposta